domingo, 27 de abril de 2014

Exigimos: Queremos ver o projeto!



SALVE COMUNIDADE!

Ficamos sabemos que estão ocorrendo reuniões e visitas da multinacional Odebrecht na comunidade sobre um determinado projeto que traria "melhorias" para a região.

Não somos contra projetos de melhoria, uma vez que precisamos cada vez mais de melhorias no bairro. O que nos deixa preocupados é o desconhecimento sobre o conteúdo desse projeto.

Sabemos que o Nordeste de Amaralina é uma "pequena" cidade dentro de Salvador, com cerca de 100 mil habitantes, situada numa faixa de intensa especulação imobiliária por se encontrar próxima à orla atlântica da cidade.

Durante a história de ocupação e consolidação da região já houveram várias tentativas do poder público e privado de "expulsar" os moradores dessa região. Os moradores, por sua vez, resistiram com muita luta.

Uma grande incorporadora como a Odebrecht, interessada no Nordeste de Amaralina, nos faz ficar apreensivos quanto aos interesses por trás dessas "melhorias".

A região Nordeste de Amaralina, formada por quatro bairros (Chapada do Rio Vermelho, Santa Cruz, Vale das Pedrinhas e Nordeste) sofre historicamente com o descaso histórico do poder público. Temos carência de áreas de lazer, equipamentos comunitários de cultura, postos de saúde com péssimo serviço e estrutura danificada, péssimos estabelecimentos de educação com ensino precário, carência de creches, péssimo serviço de transporte, coleta de lixo ineficiente, saneamento básico precário, infra-estrutura urbana que foi implantada nos anos 70!!, entre outras dificuldades.

Acreditamos que a melhoria da qualidade vida está intimamente ligada à falta e qualidade desses equipamentos e serviços citados acima.

Exigimos dos responsáveis por esse projeto que se apresentem formalmente e que apresentem o projeto à comunidade, já que este "projeto de melhorias" irá afetar diretamente nossas vidas!

Participe das nossas reuniões todas as Terças-Feiras, às 19:00h na Paróquia Santo André (Vale das Pedrinhas). O POVO UNIDO JAMAIS SERÁ VENCIDO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário